bioplastia

IN ES BR

Central de Atendimento

AGENDAR CONSULTA

De segunda a sexta-feira, das 8h às 20h. Sábado, das 9h às 14h.

Certificações

Certificação CNPQ
Certificação empresa CNPq.

Receber Notícias

E-mail:
Nome:

Tratamento para Cefaleia

Tratamento dos sintomas de cefaleia com toxina botulínica

Uma forma atual e pouco invasiva de tratar a dor crônica de cabeça é o tratamento com a toxina botulínica. Essa substância pode ser aplicada em diversas áreas da cabeça, testa, têmporas, pescoço e costas, dependendo de onde o paciente relata mais dor. A enxaqueca é provocada por contração de músculos na área do pescoço e ombros, e, quando aplicada a toxina botulínica paralisa o músculo e impede a sua contração, evitando dores. Portanto, a aplicação de toxina botulínica nos locais de dor promove o relaxamento muscular no local e um alívio na dor.

Para casos mais crônicos são necessárias reaplicações mais próximas de toxina botulínica, após quatro meses. Em alguns casos, o resultado dura de seis a 12 meses, já que nessa área do corpo os músculos não trabalham tanto, adiando a absorção da toxina pelo organismo.

A enxaqueca é um tipo de cefaleia, ou seja, dor de cabeça que provoca dor aguda e latejante nas áreas da cabeça, rosto e pescoço. Normalmente, a dor se manifesta apenas em um dos lados da cabeça, o que não significa que ela não possa ocorrer em toda a área cranial. Esse tipo de cefaleia também pode provocar náuseas e vômitos, além de uma sensibilidade a ruídos e, principalmente, à luz. Além disso, o que mais difere a enxaqueca de outras cefaleias é a intensidade e o tempo em que as mesmas ocorrem. As enxaquecas podem durar anos ou a vida inteira.

Dentre as principais causas das enxaquecas, as cefaleias crônicas, estão o jejum prolongado, a bebida alcoólica e o consumo excessivo de café. No entanto, outros fatores podem desencadear a dor, tais como situações de estresse e ansiedade, curtos períodos de sono e, até mesmo, ciclos hormonais, no caso das mulheres. Muitas vezes, os casos mais leves de enxaqueca podem ser tratados com alguns remédios, reeducação alimentar e prática de exercícios. Porém, em alguns casos mais crônicos, essas medidas não solucionam o problema..

Veja também sobre tratamento de hiperidrose no couro cabeludo


clinica leger s�o paulo Clinica Leger Moema São Paulo

 

Clínica Maison Leger Porto Alegre
Clínica Leger Rio de Janeiro
Clínica Leger Recife